Skip to content

Resenha: AAA – HEARTFUL

fevereiro 27, 2010

O que esse álbum pode significar para o AAA? O destaque que tanto batalharam? Evolução musical? A resposta pra essas e outras questões você verá aqui na resenha do último álbum do Triple A!

Ahhh e é lógico que recomendo ouvir as músicas enquanto lêem ^^v

(HEARTFUL)

AAA é um grupo de eurobeat certo? Mas é lógico que o eurobeat do AAA não se compara ao original, vindo lá dos anos 80 e dos Para-Para da life, é algo BEM mais diferenciado, e logo de cara é o que essa intro demonstra. É uma intro rápida, com uma pegada forte, lembrando um house, mas só que mais rápido. Direta, uma ótima intro!

Overdrive

Estamos num show!!! Essa impressão que Overdrive dá em seu início quando o Mitsuhiro literalmente “chama” o público para o delírio! Dando início a um rock-electro que tem na cara sons experimentais à La Atari, mas conseguindo dar uma ótima seqüência à ❤(HEARTFUL). E que música rápida! Os vocais sobrepostos, o refrão altamente catchy fazem parecer que é uma música de um minuto, e isso faz querer você ouvir mais e mais, já que passou tudo tão rápido, mas extremamente avassalador!

Break Down

Break Down, já lançada como single que vendeu muito bem por sinal, já vem com uma batida drum’n’bass e uma ótima quebrada (aquele Break-break-bre-bre-break down é muito viciante), dando uma linha bem diversificada e até com uma linha melódica fora do comum, cheia de quebras e batidas diversificadas. O rap do Mitsuhiro (como sempre ele) dá um up pra música, preparando para o refrão muitíssimo bem, onde há praticamente uma explosão que é energizante. E como o nome da música, dá vontade de fazer um Break Down em tudo!

Brand New World

Brand New World fica um pouco no lugar seguro, sabe, feliz. Até a mesmo a letra tem coisas bonitinhas, falando do céu, da gentileza, etc, etc.. Apesar de ser uma música mais simples até mesmo nos arranjos comparado às anteriores, Brand New World tem suas sacadas, como os intermédios dos raps e refrões. Mas o melhor mesmo da música é a interposição de vocais, sabe quando entra um monte de vozes e sai uma no meio da música, do nada entra outra??? Bem é isso que estou falando!! E isso sim foi muito legal.

Rising Sun

NÃO, não é a música do Tohoshinki e não tem nada a ver com a música de mesmo nome. Quando o Takahiro inicia a música cantando: “Fly Hiiiiiigh” com uma voz melosa, sinceramente achei q a música seria horrível, mesmo gostando horrores da voz dele, mas… É aí que eu me enganei, pois quando a música se inicia realmente vem uma melodia upbeat sim, mas nada alegre demais, mas na medida sabe? Apesar do teclado sempre presente, algumas batidas me lembram electro, bem elaborado. E quando chega os 2:40 em diante que me surpreendeu. E sim adoro esses turns musicais, dão um ótimo diferencial sabe? Apesar de gostar dessa música, o Takahiro termina novamente cantando com aquela voz melosa “Fly Hiiiiiiigh” o que me fez rir sozinho, parecendo que foi de propósito!

Summer Revolution

O Nome já diz! É uma música 可愛い – CcAAuaiII!, cantada somente pelas minhas queridas meninas, a Misako e a Chiaki e a música é simples, um eurobeat bem básico, mas isso não signifique que a música não seja agitada, pois ela é! Tem umas boas idéias aqui e ali. O Vocal das meninas é normal, mas acho que pecam nos agudos… Arde os ouvidos um pouquinho sabe? Mas pra quem gosta de músicas 嬉しい – UreeEsShhIIII é uma ótima pedida.

As I am

Outra música cantada praticamente pela Misako, aqui ela tem uma afinação bem maior do que em Summer Revolution, até mesmo nos “wow wow wow yeah yeah yeah” o que pra mim fez ganhar muitos pontos. Tem aquele ar kawaii, mas nada exagerado sabe? Tem um “q” romântico na música também. As I am tem uma batida bem clássica, sem inovações, mas que cumpre seu papel muito bem, lembrando aqueles houses mais lentos. Do nada no meio da música você pode nem perceber os sussuros do Mitsuhiro trazem um “ar” misterioso. No final da música percebo que ela é uma música feita para você sorrir (não confundir com ‘rir’ please) e que traz consigo um tipo de alegria tranqüila sabe? Gostei (sim essa música tem mais coisa do que se imagina).

ONE

ONE é outra com um eurobeat bem clássico, e com uma variação vocal muuuito legal. Sinceramente, parece a continuação da faixa anterior “As I am”, pois tem o mesmo clima, e também tem aquele sentimento de felicidade que é difícil de explicar. E a ponte antes do refrão eles diferenciaram no vocal usando vocoder, mas na medida certíssima, quase imperceptível! Apesar de achar continuação da outra, ONE e As I am tem suas diferenças e não sei escolher qual a minha preferida!

Get It On

Agora é a vez dos garotos cantarem. Mas com o início você pensa que é uma balada romântica! Piano e a voz do Takahiro somente, mas vem uma introdução rock-electro e todos cantando em coro. A música tem um clima alegre, igual às anteriores, mas sabe tem tantas influências nesta música que você acaba nem percebendo! Até mesmo um solo de piano eletrônico tem! Sinceramente achei uma mistura de T.M. Revolution com Arashi! E nesse caso ficou ótimo!

Heart and Soul

Heart and Soul chega d.e.t.o.n.a.n.d.o! Umas batidas com ecos de fundo, BPM rápido, inspirado num house que quase chega a um trance, tudo isso junto com o rap do Mitsuhiro que nessa música faz um dos melhores dele em minha opinião. E os vocais são realmente um destaque a parte, pois todos cantam bem aqui! È uma música bem rica, com muitos sons, e no meio a música praticamente muda totalmente a melodia e volta à melodia anterior num piscar de olhos! Dando uma ótima quebra. Heart and Soul é pra quebrar tudo mesmo! Tem momentos em que precisamos tirar energias, mas não sabemos de onde? Pronto aqui está!

Believe own way

Believe own way começa com um clima meio… “etéreo”. Uma mistura de sentimentos, parecendo ser um breakbeat, mas um tanto confusa. Chegando ao refrão, quando menos se espera o clima “down” fica “up”!! Mas essa parte é que a música tem seu melhor momento, apesar de ainda parecer que os sons e as batidas não se encaixam muito bem. Até o final a música se arrasta igualmente, mas é um tipo de música por ser tão “fora do comum” que amarão ou odiarão.

FIELD

Eis a balada do álbum! Cumpre bem o seu papel, e tem umas coisas fora do comum, como a mistura de rock, R&B, e lógico o eurobeat. É muito emotiva, mas agrada apesar de tudo! Para quem gosta de músicas românticas e com vozes cheias de sentimento é perfect!

Metamorphose

Super anos 90!!! O clássico electro-rock sempre feito no velho Nihon!!! Querendo ou não foi isso q pensei ao ouvir Metamorphose. Quantos sons! Solos de piano eletrônico, de guitarra, batidas fortes e rápidas! Dá até vontade de sair dançando freneticamente! Parece até empolgação exagerada, mas é a verdade! No more coments.

Hide-away

Outra lançada como single anteriormente, assim como Break Down / Summer Revolution e Heart & Soul, Hide-away é sem dúvidas a melhor música do álbum (e colocam ela justamente no final do álbum.. acho que é proposital). Hide-away tem aquele clima romântico/misterioso/agitado/dark ao mesmo tempo, mas sem ser clichê em nenhum deles! Tem aquele batida clássica do eurobeat, mas com um piano muito sutil que dá um clima ideal na música, mas misturando com um clima dark, fazendo lembrar até mesmo algumas EBM. E o destaque vocal do Takahiro nessa música é simplesmente surpreendente, carregado de emoção, mas nenhum pouco forçado, al dente.

Conclusão


Sempre gostei de AAA, mas só que este álbum pode ser sim considerado o melhor deles, lógico que todas as músicas não são perfeitas, mas a grande maioria tem um nível acima de média. E Apesar de se prender ao eurobeat, não enjoa e mesmo assim consegue se mostrar versátil dentro do próprio estilo, e ainda tem influências de outros, mas não erra ao incorporá-las! Além dessa parte musical as vendas também nunca foram tão equilibradas para o AAA. E esse álbum traz uma expressão vocal bem forte o que agrada muitíssimo. E Espero que eles somente melhorem com lançamentos cada vez melhores!(será que isso é possível?)

comentários são bem-vindos! \fikdik ;D

Ficha:

Álbum: HEARTFUL

Grupo: AAA

Lançamento: 17/02/2010

Posição no Oricon Semanal: 3º

Vendas na 1ª semana: 42.628 cópias

Faixa Promocional: FIELD

Singles: Break Down / Break Your Name / Summer Revolution; Hide-Away/Hide & Seek/Find You; Heart and Soul

Anúncios
13 Comentários leave one →
  1. Fabiohf permalink
    fevereiro 27, 2010 6:15 pm

    Concordo, esse é o melhor album do AAA, senti uma evolução vocal deles, destaque para Chiaki que ganhou seu espaço no grupo com louvor, mas até Shuta e Shinji estão melhores, da pra escutar eles muito bem, mesmo como segunda voz, coisa q era dificil de perceber nos albuns antigos deles ^^

    • andoreh permalink
      fevereiro 27, 2010 9:16 pm

      principalmente o Shuta!! mas ainda assim queria q eles aparecessem mais.. ainda acho mto pouco xD

  2. fevereiro 27, 2010 7:32 pm

    apesar de ser fã sempre preferi Nissy, Naoya e Misako tendo mais destaque, tipo me acostumei com isso.

    No album, anterior, departure comecaram a dividir melhor as musicas inéditas entre os outros membros e não achei um cd tão bom,

    Mas esse foi bem diferente as musicas se encaixam muito bem com o estilo novo, dá vontade de assistir logo o novo show deles pra ve-los performando as músicas novas ^^

    com certeza esse é o melhor de todos, valew pela resenha =D

  3. Jiyonni permalink
    fevereiro 27, 2010 8:18 pm

    excelente “review” colega! também achei esse álbum muito bom, agora estou esperando uma resenha do disco do ikimonogakari!!

  4. ~eriiKa permalink
    fevereiro 28, 2010 12:28 am

    Nossa, gostei do review! Até hj só escutei algumas poucas músicas do AAA, mas vc e todo mundo tá falando tão bem desse álbum que vou até ouvi-lo 🙂

  5. Rubens permalink
    fevereiro 28, 2010 2:30 am

    Ótima resenha. Detalhou bastante nas descrições das músicas e tudo mais. Parabéns.
    E quanto ao álbum, bom, estou VICIADO nele. Um álbum muuuuito bom, o melhor da carreira deles em todos os termos (escolha de singles, clipes, divisões de linhas, ritmos, estilos).
    Ótimo álbum mesmo.

    Agora, adoraria ver uma resenha do UNIVERSE da Koda.

  6. Gui permalink
    fevereiro 28, 2010 10:21 pm

    Tmb adorei o review!!O melhor album pra mim até agora, pena q vendem tão pouco ..
    Tmb acho q chega de espaço pros outros membros assim já esta bom d+ hsuahsahsah.

  7. Hiei Uehara permalink
    março 1, 2010 1:49 pm

    eu tenhu o dvd do a-nation 2005,primeira apresentação ao vivo do AAA
    eles desafinam mto parece estarem anciosos,mo fail
    se comparado ao derpature e o hertful uma evolução tremenda *-*

    hide away arasso ano passado fikdik

  8. março 3, 2010 6:17 pm

    com certeza o melhor album deles *-*

    mas só umas coisaa, As I am é umam ´suica solo da Misako.
    O Nishi faz os backings na primeira parte e o Naoya na segunda, o Hidaka só faz uns sussurros mesmo, mas a música é solo da Misako ‘-‘
    a música que eu mais gostei desse cd *-*
    não é pra menos já que a Misako é minha preferida ♥

    • andoreh permalink
      março 4, 2010 1:43 am

      opa! valeu, num sabia xD
      jah concertei!

  9. Dhay-Chan permalink
    março 4, 2010 8:09 pm

    Nossa eu realmente achei esse albúm do AAA ótimoooooooo
    todas as músicas muito bem divida para os membros e muito bem feita.

    Haviam dito aí em cima q as vendas foram baixas, mas eu jah esperava issu jah q o albúm vazou antes do lançamento.

    Mas tah bom fikar em 3º lugar da Oricon, espero q os outros single e albúm deles sigam esse msm jeito perfeito e q o AAA melhore cada vez mais neh. Bom… eu como fã gostei de todas músicas, mas comu fã da Misako e do Takahiro, adoreii o solo dela e adoreii tbm Get it on. ♥ (eu sou uma TakaUno assumida tah) hasuahsuhaushaush

  10. Cah permalink
    março 6, 2010 9:41 pm

    Pra mim esse foi o melhor CD do AAA acompanho eles a algum tempo já e tenho muito orgulho de ser fã deles, porque eu sei que eles podem e eles me provam isso enquanto crescem como grupo.

    O que eu achei legal nesse CD é que tem algumas músicas tem pessoas que não cantam, não por eles não cantarem, mas pq dá chance de ouvir todo mundo

    Sou incrivelmente apaixonada pela voz do Shuta, e quero um solo dele/parei.

    Enfim o CD está muito bom e a resenha tá bem legal tb ^^

Trackbacks

  1. TOP30 – Melhores albums de 2010 – parte 5 « Acid Black Nerd

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: